Menu
terça, 16 de julho de 2019
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Mobile Andorinha
Geral

Desempenho Industrial de MS fica positivo pelo 5º mês consecutivo

03 dezembro 2018 - 08h08Assessoria de comunicação

O IGDI (Índice Geral de Desempenho Industrial) de Mato Grosso do Sul, que foi criado pelo Radar Industrial da Fiems e é calculado com base nas pesquisas de Confiança e Sondagem Industrial, foi positivo em outubro, sendo o 5º mês consecutivo em que fica acima da linha divisória dos 50 pontos. Em outubro, o Índice alcançou 54,8 pontos, indicando um aumento de 1,8 ponto percentual comparado com o mês de setembro.

Segundo o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende, as variáveis de avaliação apresentaram o seguinte desempenho na passagem entre os dois meses: aumento na participação das empresas com produção estável ou crescente e na utilização da capacidade instalada, com expansões de 7,6 e 1 ponto percentual, respectivamente. Elevações de 1,8 e 4,9 pontos nos índices de confiança e intenção de investimentos. “Além disso, há o registro de queda de 6,7 pontos percentuais na participação das empresas que contrataram”, informou.

Ele ressalta que, no comparativo com o mesmo mês de 2017, quatro das cinco variáveis apresentaram resultados inferiores, o que sugere uma redução no ritmo de expansão quando comparado com o mesmo intervalo do ano passado. “Condição que pode estar associada a eventos que impactaram fortemente o ambiente produtivo ao longo deste ano, como a greve dos caminhoneiros, o aumento dos combustíveis e, claro, as eleições”, relatou.

Ezequiel Resende pontua que, mesmo assim, com todos os resultados consolidados o IGDI continuou acima dos 50 pontos, lembrando que o Índice é considerado negativo quando fica abaixo dos 50 pontos. “Na média geral, o desempenho em outubro foi positivo, segundo a percepção dos empresários respondentes”, explicou.

O Índice

O IGDI reflete a percepção do empresário em relação ao desempenho apresentado pela atividade industrial. “Na elaboração, foram selecionadas cinco variáveis - emprego, investimento, produção industrial, utilização da capacidade instalada e confiança – e todas com peso de 20% na composição do Índice”, detalhou o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems.

No caso do emprego na indústria, o IGDI utiliza o percentual de estabelecimentos que aumentaram o número de empregados, enquanto na parte de investimento o Índice leva em consideração a intenção de investimentos para os próximos seis meses. Já da produção é usado o percentual de indústrias com a produção estável ou crescente, da utilização da capacidade instalada se pega o percentual médio e da confiança a base é o ICEI (Índice de Confiança do Empresário Industrial).

O IGDI Fiems contou com a avaliação, validação e auxílio técnico do professor-doutor Leandro Sauer, da Escola de Administração e Negócios e do Programa de Pós-Graduação em Administração (Mestrado e Doutorado) da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (ESAN/UFMS). “O professor é matemático com atuação na utilização de métodos quantitativos em economia e tem comprovada experiência na elaboração e uso de indicadores sintéticos”, reforçou o economista.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Morosidade
Processo que prefeito de Corumbá move contra Facebook segue na Justiça
Dia 29 deste mês haverá nova audiência de conciliação. Prefeito pede R$ 20 mil de indenização
Geral
Proibição de telemarketing de telefônicas começa nesta terça-feira
Geral
Merendeiros são capacitados pela Prefeitura; aulas retornam na quarta-feira
Acidente de trânsito
Motociclista fica ferido após colisão contra carro
Acidente de trânsito
Criança é atropelada por Kombi no Padre Ernesto Sassida
Motorista afirma que não viu a criança
Geral
CMDCA reabre inscrição para escolha de Conselheiros Tutelares e Suplentes
Processo de escolha se dá por votação popular
Geral
Frigorífico Pantanal iniciará as atividades em Ladário em Agosto
Concurso
Mais 19 professores aprovados em concurso são empossados na Educação
Segurança
Monitoramento de MS é um dos mais eficientes do País
Violência contra a Mulher
Governo de MS aumenta as frentes de combate à violência contra a mulher

Mais Lidas

Crime virtual
Vereador é vítima de fake News e tem moral difamada em redes sociais
Policial
Ladrão rouba carro e é apagado por lutador de Jiu-Jitsu
Infraestrutura
Reforma do Centro de Saúde da Ladeira está em fase de finalização
tempo
Semana começa com máxima de 34Cº e previsão de chuvas isoladas