Matrículas - Sesi

Cônsul da Bolívia é acusado de agredir universitário com socos e chutes

Por Gesiane Medeiros02 NOV 2017 - 11h17min

Estudante de medicina de 35 anos, identificado pelas iniciais C.R.N, registrou boletim de ocorrências na delegacia de polícia civil, na tarde desta quarta-feira, 1° de novembro, afirmando que na manhã do mesmo dia foi vítima de tentativa de extorsão e agressão, recebendo socos e chutes deferidos pelo cônsul da Bolívia em Corumbá.

Segundo a vítima, ele teria ido até o consulado boliviano, localizado na rua Sete de Setembro, região central de corumbá, para regularizar alguns documentos escolares, para isso lhe foi cobrado o valor de R$ 301,00. Posteriormente a atendente do órgão lhe cobrou a mesma taxa novamente afirmando que a outra não tinha mais validade, porque havia vencido.

O universitário de nacionalidade brasileira, atualmente residente em Puerto Quijarro, na Bolívia, por conta dos estudos, se recusou e foi convidado pelo cônsul a ser retirar do local. Diante da negativa da vítima, o diplomático teria deferido socos e chutes ao estudante que revidou com um soco. Viatura da polícia militar foi até o local e quando tentou levar os dois para prestar esclarecimentos na delegacia, o cônsul se recusou e afirmou que possuía imunidade diplomática, por isso não iria a lugar algum. 

Deixe seu comentário

Leia Também

Política

No Ministério do Turismo, prefeito discute liberação de verbas para distrito turístico

Serviço

CAC fica aberto até às 19 horas de hoje para adesão ao REFIC

Fuga

Interno não consegue entrar com celular e foge do semiaberto

Serviço

Testes na nova ETA de Ladário pode causar falta de água até sábado (25)

Otimismo

Aumenta vagas de emprego no comércio de MS

Comunicado

Prorrogada publicação dos classificados no processo seletivo da Fundtur

Educação

Governo finaliza compra de uniformes, kits e merenda escolar para 2018