Hospital Cassems - Campanha inauguração

Cônsul da Bolívia é acusado de agredir universitário com socos e chutes

Por Gesiane Medeiros02 NOV 2017 - 11h17min

Estudante de medicina de 35 anos, identificado pelas iniciais C.R.N, registrou boletim de ocorrências na delegacia de polícia civil, na tarde desta quarta-feira, 1° de novembro, afirmando que na manhã do mesmo dia foi vítima de tentativa de extorsão e agressão, recebendo socos e chutes deferidos pelo cônsul da Bolívia em Corumbá.

Segundo a vítima, ele teria ido até o consulado boliviano, localizado na rua Sete de Setembro, região central de corumbá, para regularizar alguns documentos escolares, para isso lhe foi cobrado o valor de R$ 301,00. Posteriormente a atendente do órgão lhe cobrou a mesma taxa novamente afirmando que a outra não tinha mais validade, porque havia vencido.

O universitário de nacionalidade brasileira, atualmente residente em Puerto Quijarro, na Bolívia, por conta dos estudos, se recusou e foi convidado pelo cônsul a ser retirar do local. Diante da negativa da vítima, o diplomático teria deferido socos e chutes ao estudante que revidou com um soco. Viatura da polícia militar foi até o local e quando tentou levar os dois para prestar esclarecimentos na delegacia, o cônsul se recusou e afirmou que possuía imunidade diplomática, por isso não iria a lugar algum. 

Deixe seu comentário

Leia Também

Incêndio

Fogo destrói totalmente loja ‘Tentação’ em Corumbá

Posse

Caravana sairá de Corumbá para a posse de Jair Bolsonaro

Operação Boas Festas

Em três dias blitz apreende 64 motos e sete carros

Operação Boas Festas

Presos autores de sequestro, cárcere privado, roubo de caminhonete e tentativa de homicídio

Plantão Bombeiros

Bombeiros combatem incêndio, socorrem mulher espancada e acidentado

Imprudência

Embriagado homem é atropelado por trem e tem perna arrancada

Emprego

MS tem 11 concursos abertos e salários de até R$ 9,4 mil nesta semana