Menu
quarta, 22 de maio de 2019
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Geral

Concurso da Marinha abre inscrições para profissionais da saúde e há vagas em MS

14 junho 2018 - 09h43Midiamax

A Marinha do Brasil publicou três editais para profissionais de nível superior da área de Saúde. O primeiro é destinado a médicos, com o total de 154 vagas, há 12 vagas para Cirurgiões-Dentistas e mais 11 para Enfermeiros, Farmacêuticos, Fonoaudiólogos e Nutricionistas. As inscrições estão abertas e vão até dia 27 de junho. Em Mato Grosso do Sul, há vagas para médicos em Ladário, a 426 km de Campo Grande.

São vagas destinadas a ambos os sexos, brasileiros com menos de 36 anos e que tenham concluído o curso superior relativo à profissão a que concorrem. As inscrições podem ser feitas pela internet ou em OREL (Organizações Militares da Marinha Responsáveis pela Execução Local), como é o caso de Ladário.

A taxa de inscrição é de R$ 120 e o pagamento poderá ser realizado até o dia 3 de julho. Para mais informações, confira os editais dos concursos para Medico, Cirurgião-Dentista e Apoio à Saúde.

Médicos

Os médicos interessados em fazer o concurso devem ficar atentos, pois existem vagas no âmbito nacional e regional. Em Mato Grosso do Sul, há três vagas para a cidade de Ladário: médicos com especialidade em Clínica Médica, Pediatria e Psiquiatria. No caso do concurso regional, os candidatos deverão obrigatoriamente possuir o Certificado de Residência Médica ou Certificado de Título de Especialista na especialidade para a qual concorrem.

O concurso para médicos, no âmbito nacional, traz 131 vagas em especialidades tais como: Anestesiologia, Cancerologia, Cardiologia, Cirurgia Cardíaca, Cirurgia Geral, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Dermatologia, Endocrinologia/Metabologia, Gastroenterologia, Ginecologia e Obstetrícia, Infectologia, entre outras.

Cirurgiões-Dentistas e Apoio à Saude

As vagas para Cirurgião-Dentista e Apoio à Saúde são em âmbito nacional e não há oportunidades em Mato Grosso do Sul. Para Cirurgiões-Dentistas, há vagas em nível nacional em várias especialidades (Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-facial, Dentística, Ortodontia, Patologia Bucal e Estomatologia, Prótese Dentária e Radiologia). Já as vagas para Apoio à Saúde incluem profissões de Enfermagem, Farmácia, Fonoaudiologia e Nutrição.

Os aprovados e classificados farão o Curso de Formação de Oficiais (CFO), no CIAW (Centro de Instrução Almirante Wandenkolk), no Rio de Janeiro. Após a aprovação no curso, no final de 2019, os militares serão nomeados Oficiais da Marinha do Brasil no posto de Primeiro-Tenente e passarão a receber remuneração de cerca de R$ 11 mil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ação social
Sanesul distribui cobertores na Campanha do Agasalho em Campo Grande
Capacitação
Senai oferece consultoria em plano de manutenção e operação de ar condicionado
Policial
Polícia Militar frustra furto e recupera objeto antes da vítima perceber o fato
Educação
Unicamp destina duas vagas da graduação para medalhistas da Olimpíada de História
Edital de “Vagas Olímpicas” prevê duas vagas no curso de graduação em História; participantes da ONHB deverão declarar interesse até dia 17 de junho
Mineração
Empresas esclarecem riscos e ações preventivas nas barragens de Corumbá e Ladário
Policial
Foragido é capturado pela PM na área central
Crime ambiental
PMA autua paranaense por armazenamento de madeira ilegal
Geral
Peão é pisoteado por cavalo durante lida no campo na Nhecolândia
O homem de 44 anos precisou ser resgatado pelo helicóptero da Marinha devido a gravidade dos ferimentos
Acidente de transito
Ciclista vai parar no hospital após ser atropelado no bairro Universitário
Consumidor
Vereador pede apoio de deputado para fim da tarifa básica do consumo de água

Mais Lidas

Cota Zero
Empresários realizam encontro da pesca no Pantanal em apoio a cota zero
Saúde
Prefeitura libera construção de posto de saúde e licitação para escola em São Gabriel
Trânsito
Aulão do Maio Amarelo leva mensagem de trânsito de forma descontraída
Educação
Depois da Educação, Longen prevê novos cortes se Reforma da Previdência não for aprovada