Andorinha - Compra antecipada

Com a filha de 5 anos, gestante luta com ladrão e suspeito acaba preso

Por Campo Grande News13 MAR 2018 - 10h20min
Homem que passava pelo local parou para ajudar as vítimas e ainda conseguiu imobilizar o ladrão em outro quarteirão até a chegada da Polícia MilitarFoto: Divulgação/JP News

Uma gestante de 22 anos, que estava acompanhada de uma filha de 5 anos, reagiu a um assalto e lutou com o ladrão na noite de ontem, segunda-feira (12), no bairro Paranapungá, em Três Lagoas, a 338 km de Campo Grande. Apesar do susto, a Polícia Militar foi acionada e o suspeito preso.

A vítima e a filha estavam em frente a uma loja de variedades por volta das 22h, quando o suspeito anunciou o assalto. Conforme o JP News, a mulher teria percebido a aproximação do bandido, que estava a pé, e tentou se afastar. Durante a ação, o homem afirmou que não faria nada com a gestante ou com a criança, mas exigiu a carteira e o celular.

Enquanto entregava os pertences, a vítima reagiu à situação e chegou a lutar com o suspeito, que fugiu pulando muros de residências.

Neste momento, um homem que passava pelo local parou para ajudar as vítimas e ainda conseguiu imobilizar o ladrão em outro quarteirão até a chegada da Polícia Militar. A gestante foi levada até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do município, para registrar a ocorrência, onde passou mal.

Deixe seu comentário

Leia Também

Sócios do Pcc

Grupos terroristas lucram com contrabando e tráfico na fronteira

Contrabando

Grupo de repressão da Receita combate descaminho e pirataria em Corumbá

Operação Boas Festas

Em 24 horas equipes do 6º Batalhão e Polícia Militar prendem 7 indivíduos foragidos da justiça

Operação Boas Festas

Equipe do 6º Batalhão e Polícia Militar prende autores por tráfico de drogas

Política

Senador eleito é réu em ações de improbidade de mais de 2 bilhões de reais

Saúde

Programa Mais Médicos prorroga inscrições para formados no exterior

Diplomado

Governador recebe diploma para 2º mandato, cita conquistas e garante gestão eficiente até 2022