Menu
quarta, 24 de abril de 2019
Câmara - Dengue
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
COLUNA

Entrelinhas

Sylma Lima

Posse

12 abril 2019 - 09h16

A solenidade de posse do presidente da Cassems Ricardo Ayache acontece nesta sexta-feira, as 17h. Os associados estão sendo convocados ara uma assembleia de prestação d contas a partir das 14h e após esse ato, começa a solenidade de posse. Por falar em Cassems, parabéns ao medico cardiologista Ricardo Ayache, pois mais uma vez a Cassems é premiada e desta vez, ganhou o primeiro lugar no ranking das empresas que oferecem oportunidade de estágio. O hospital em Campo Grande também está com vagas de médicos residentes preenchidas, desde o inicio do ano. Cada vez mais se destacando na área da saúde com qualidade.

Novidades


As articulações para eleições de 2020 estão de ‘vento em popa’. Nos bastidores o trabalho é forte e as alianças começam a ser formadas. Há nomes garantidos para a disputa em vários municípios. Esta semana fizemos uma peregrinação nos diretórios e ouvimos os presidentes de partidos aqui na Capital, e tem surpresa vindo. Os desavisados que se cuidem, porque o ‘rolo compressor’ vem com tudo.


Prefeituras


A disputa pelas prefeituras em 2020 será acirrada não só no interior, como na Capital. Vários nomes já foram lembrados pela mídia e ate candidaturas já foram anunciadas. O nome do ex senador, inocentado judicialmente, Delcidio Amaral, foi um deles. Em conversa com o pantaneiro, ele disse que no momento está mais preocupado com outros assuntos. Prometeu uma entrevista exclusiva ao Capital do Pantanal. Questionado sobre as eleições, disse que há muito a ponderar. De fato mesmo,’ so especulações’. Mas, na Capital a deputada federal Rose Modesto é um nome forte para disputar a prefeitura. Marquinhos Trad que se cuide.


Força


Tem muita gente que vai surpreender com as próximas eleições. Outro fator decisivo são as mudanças na legislação eleitoral. Acabou a historia do ‘coeficiente eleitoral’. Desta vez , ninguém mais vai ser puxado. Quem tiver mais voto ganha e ponto final. E se a questão é voto, tem gente que parece adormecida, mas na verdade vem trabalhando na ‘surdina’ e dizem os articuladores que o homem é uma máquina de votos, ‘tudo que toca vira ouro’.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Posse
Fervendo a chaleira
Seu guarda eu não sou vagabundo
Marinha emite nota sobre envolvimento de militar em crimes
Ameaça não é brincadeira