Caminhada Cerest

Pau de arara

Por Sylma Lima06 FEV 2017 - 15h22min

Sãos os 435 km mais caros do Brasil. Sim!!!! R$ 140 só de ida o trecho no ônibus “ executivo” que faz o itinerário Corumbá/Campo Grande. E para piorar levam animais, junto com a carga que nem sempre chegam vivos no destino. Na madrugada desta segunda,6 de fevereiro, foi um verdadeiro círculo dos horrores. Quem embarcou no executivo as 23:30h deste domingo com destino a Campo Grande enfrentou calor, poltronas desconfortáveis, água quente e cobertas malcheirosas.

Segundo passageiros, as poltronas não reclinavam o suficiente, a água estava quente e o motorista parou em Miranda e desligou o ônibus. Foram 30 minutos de calor insuportável, fazendo com que os passageiros acordassem e reclamassem com o condutor, que só ligou o ar na hora da partida.

Corumbá tem mais de 100 mil habitantes e, quando se trata de reivindicar elevação da entrância especial, pelo número de habitantes, todos correm e abraçam a causa, batem no peito e apontam o ultimo recenseamento. Fazem o mesmo para pleitear recursos juntos ao Fonplata.  Agora, porque não “ trabalham” no sentido que conseguir trazer outra empresa para fazer o transporte de passageiros Corumbá/Campo Grande? Abrir licitação para que haja concorrência, o que ocasionaria melhora nas acomodações e no preço das passagens? Quanto custa esse monopólio?

Quem viaja de Porto Suarez (Bolivia) até Santa Cruz de La Sierra percorre cerca de 700 quilômetros, paga R$ 80,00 por trecho e ainda tem o privilégio de andar em ônibus novos, leitos , (poltronas que deitam de verdade) com ar, televisão e água gelada. Porque será que em Corumbá tudo é feito na contramão? Porque será que ninguém toma atitude? Fazem audiência na Câmara para discutir a questão e depois do evento todo mundo cala a boca. E continuamos como há 30 ou 40 anos atrás. Aqui – definitivamente- o progresso não chega. É o cúmulo do descaso numa cidade turística e que não tem voos para Campo Grande. Enquanto isso há pessoas empenhadas em discutir o sexo dos anjos.

Deixe seu comentário

Leia Também

Em Amsterdã, um dos destinos preferidos em 2018, programa inclui passeio nos canais.

Roteiro premiado

Efeito Bumerang

Adeus Sartory

‘Bombou’ nas redes

Soltando a franga

Pau na canalhada

Presente de Grego