Governo - Obras Corumbá

Na mira da justiça

Por Sylma Lima03 ABR 2017 - 08h22min

MATEMÁTICA - 12 x 4: 48 – Após a publicação da reportagem sobre o processo criminal de peculato contra o prefeito Ruiter Cunha, houve reações lá e cá. Ruiter foi denunciado quatro vezes pelo crime de Peculato, sendo que para cada crime a pena é de 02 a 12 anos. Se for condenado no grau máximo, a pena total poderia chegar a 48 anos de prisão. O processo corre no Tribunal de Justiça sob número 1400873-202014.8.12.0000. Vamos acompanhar. Eita processo espinhoso.

PROCESSOS - No site do TJ tem muitos processos contra políticos. Tem na Justiça Eleitoral, Justiça Federal, Gaeco, Polícia Federal. São muitos processos. Tem um que vai ser julgado em breve e dizem que o político famoso vai perder o cargo que tomou posse em 01 de janeiro deste. Mas já!

AÉRCIO NEVES- O senador do PSDB que foi candidato a eleição para presidente em 2014 e perdeu para Dilma, é alvo de investigação na chamada Operação Lava Jato. Essa lava jato parece que não acaba nunca. A revista Veja desta semana trouxe detalhes da participação do senador. Já não será mais candidato. Por falar em PSDB. O Superior Tribunal de Justiça autorizou investigação criminal no último dia 30 /03 contra o governador do Paraná Beto Richa do PSDB. O também governador de Goiás Marconi Perilo do PSDB foi denunciado por Corrupção junto com o doleiro Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Já o governador Simão Jatene do PSDB teve o mandato cassado pela Justiça Eleitoral. E ainda não foi revelada a “lista de Janot”. A coisa tá feia e parece que não sobrar ninguém. E independe de partido.

WHATSAPP - O site capitaldopantanal.com vem recebendo denúncias de todo lado. É cada coisa. Continuem mandando e vamos aprimorar este canal de comunicação. 99930-0118

200 TÃO - E entrou abriu e ninguém sabe se o governador vai prorrogar os 200 tão que deu para os servidores públicos ano passado. Várias categorias exigem as perdas salariais e dizem que chegam até 30% neste governo. Maio promete.

ABACAXI – O presidente Michel Temer jogou o abacaxi do tamanho do mundo para cima dos governadores e prefeitos quando a reforma da previdência. Pela proposta, serão os mais de 5.000 municípios e governadores que irão tratar da reforma da previdência. Temer quer que servidor aposente só depois de 49 anos de contribuição e que tenha no mínimo 65 anos de idade. Não importa se atividade é de risco, perigosa, insalubre, se é policial, bombeiro, professor, Agepen, homem ou mulher. Aí é complicado Sr. Temer.

DOAÇÕES DE CAMPANHA/ELEITOS ILEGAIS – O MPF entrou com ação judicial contra o partido PP e pediu ressarcimento e cassação de mandatos de vários deputados federais. Se colar a tese do MPF, os próximos alvos serão PT, PMDB, PSDB...e todos os outros. Vixe!

Deixe seu comentário

Leia Também

Adeus ao ‘homem de Miranda’

Improbidade compensa?

Tática

....Se correr o bicho pega....

Vai Brasil

Venha para a feira!

Mais uma improbidade: